Corpo de José da Cunha Vasconcelos Filho, de 73 anos, foi encontrado no sítio onde ele morava na quinta-feira (7).

A Polícia Civil instaurou inquérito para investigar a morte do ex-prefeito de Serranos (MG), José da Cunha Vasconcelos Filho, de 73 anos, encontrado morto no sítio onde ele morava na última quinta-feira (7).

O corpo dele foi enterrado na tarde desta sexta-feira (8) em Munhoz (MG), cidade onde ele nasceu.

Conforme a Polícia Militar, o corpo foi encontrado em estado avançado de decomposição.

A primeira suspeita era de morte natural, mas a polícia investiga se há indícios de crime.

A suspeita é que o ex-prefeito tenha morrido há quatro dias.

A Polícia Civil informou que será feita uma perícia no local.

O corpo também passou por exames no IML de Pouso Alegre.

José da Cunha foi eleito prefeito de Serranos pelo PT em 2016.

Em outubro de 2018, ele foi cassado por corrupção ativa.

Nas Eleições Municipais de 2016, ele foi eleito com apenas um voto de diferença para o segundo colocado.

O ex-prefeito era casado e tinha seis filhos. Veja mais notícias da região no G1 Sul de Minas