Juiz federal aposentado foi escolhido por unanimidade em convenção realizada neste sábado (21) em Campo Grande.

PDT confirma candidatura de Odilon de Oliveira ao governo de MS O PDT confirmou neste sábado (21) o juiz federal aposentado Odilon de Oliveira como candidato do partido ao governo de Mato Grosso do Sul.

O candidato a vice-governador na chapa é Herbert Assumpção.

A candidata ao Senado é Leocádia Aglaé Petry Leme.

A convenção foi realizada na sede do partido, em Campo Grande. "O que se sobressai aqui não é só a minha vontade, de enfrentar com coragem uma luta pelo crescimento do estado, mas o que aparece aqui é a expressão da vontade autêntica de toda a Executiva [do partido], de todo o partido, de todo o PDT", disse Odilon.

O deputado federal Dagoberto Nogueira, presidente regional do PDT, fez o anúncio da candidatura.

"Está homologado o nome de Odilon de Oliveira como candidato a governador pelo PDT por Mato Grosso do Sul". O que disse o candidato Odilon de Oliveira iniciou o discurso explicando porque quis ser candidato."Sou extremamente grato a esse estado, muito grato, porque exatamente aqui que a gente encontrou aquilo que nós buscávamos e agora chegou o momento de eu continuar retribuindo, sem fazer nenhum complô.

É apenas uma obrigação". O juiz federal falou ainda sobre ética, corrupção, dinheiro e prioridades de governo.

"(...)Nós temos que criar novas regras.

Ética.

Ética é a batalha, é o enfrentamento à corrupção".

Sobre planos do que pretende fazer se eleito, Odilon resume: "Estabelecer a confiança das pessoas (...).

Educação, segurança pública, saúde e habitação". Odilon de Oliveira em convenção do PDT em Campo Grande, MS Rodrigo Grando/ TV Morena