Vítima foi abordada ao entrar no próprio carro e teve três dedos cortados por criminoso em Santos.

Suspeito foi preso.

Vídeo mostra momento em que homem que decepou dedos de jornalista invade carro em Santos Imagens de uma câmera de monitoramento obtidas pelo G1, nesta segunda-feira (20), mostram o momento em que o suspeito de assaltar e cortar os dedos de uma jornalista em Santos, no litoral de São Paulo, entra no carro dela.

A vítima reagiu a uma tentativa de estupro e ele, em seguida, cortou os dedos dela com uma faca.

O homem está preso e a vítima já teve alta médica do hospital.

O vídeo mostra o momento exato em que a jornalista, de 43 anos, sai da casa de familiares na noite da última quinta-feira (16), por volta das 20h20.

Ela entra no carro dela estava estacionado na rua Dr.

Gaspar Ricardo, no bairro Marapé.

Logo depois, o bandido se aproveita da distração da mulher e invade rapidamente o veículo pela porta do passageiro.

Segundo informado pela Polícia Civil, ele abordou a jornalista, colocou uma faca no pescoço dela e fez várias ameaças de morte para que ela não reagisse. Imagens flagraram momento em que suspeito entrou em carro de jornalista em Santos, SP Reprodução Em seguida, o suspeito mandou a jornalista dirigir o carro até a Linha Amarela, em São Vicente.

É possível ver que segundos após a abordagem, a vítima e o criminoso seguem no veículo.

Ela tentou enganá-lo e continuou circulando pelas ruas do bairro, porém, durante o percurso, ele começou a passar a mão pelo corpo dela. Neste momento, a mulher decidiu reagir.

Bastante nervoso com a situação, o bandido deu um golpe com a faca e cortou três dedos da mão direita da vítima.

Com a jornalista ferida, o suspeito conseguiu fugir levando cerca de R$ 2 mil e o celular dela. O suspeito, de 29 anos, é um ex-presidiário e foi preso no bairro Itararé, em São Vicente, no sábado (18).

A prisão foi realizada por equipes da Delegacia de Investigações Gerais (DIG), que realizam as investigações junto as equipes do 2º DP de Santos.

Suspeito foi preso por assaltar e cortar dedos de jornalista em Santos, SP Eduardo Velozo/A Tribuna Jornal Recuperação A vítima ainda está muito abalada com a situação e não quer se pronunciar sobre o ocorrido.

De acordo a pessoa que a acompanha durante o tratamento, a jornalista reagiu logo após o ataque do assaltante.

Após a fuga do bandido, ela conseguiu ainda dirigir até a Santa Casa, onde recebeu os primeiros socorros antes de ser transferida ao Sírio-Libanês.

Ela realizou procedimento cirúrgico e recebeu alta no sábado (18).

"Ela usou o cinto de segurança como torniquete para estancar o sangramento.

Apesar de ferida, conseguiu dirigir o carro até a Santa Casa de Santos", afirmou a pessoa que a acompanha em entrevista ao repórter Eduardo Velozo Fuccia, do Jornal A Tribuna.