Prefeitura diz que precisou adiar procedimentos porque hospital ficará sem energia e vai funcionar com geradores.

Medida ocorre para retirada de postes de energia em área de obra.

As cirurgias eletivas previstas pelo Hospital de Hortolândia (SP) para esta quarta-feira (22) foram adiadas, segundo a prefeitura, porque a unidade terá fornecimento de energia interrompido.

A suspensão ocorre para que a CPFL, concessionária responsável pelo serviço, faça a retirada dos postes localizados perto das obras de uma nova avenida no Jardim Santa Clara.

De acordo com o governo, neste período o funcionamento do hospital será mantido com geradores e as cirurgias de emergência necessárias serão realizadas.

Entretanto, a orientação é para que os pacientes procurem, preferencialmente, pelas três unidades de pronto atendimento (UPAs) do município. A expectativa é de que o serviço de energia seja restabelecido após 18h. Serviço As unidades de pronto atendimento de Hortolândia estão instaladas nos seguintes locais: Jardim Rosolém - Rua Orlando Pavan, 395; Jardim Nova Hortolândia - Rua José Martim dos Anjos, 185; Jardim Amanda - Rua Washington Luís, 1066; Outras informações estão disponíveis no site da administração municipal. Veja mais notícias da região no G1 Campinas.