Sanepar divulgou cronograma de bairros que passam por rodízio, a partir desta segunda-feira (18); ação foi iniciada atendendo decreto de emergência hídrica no estado.

Confira como fica o rodízio de água em Curitiba e Região Metropolitana até quinta-feira (20) Divulgação/Sanepar A Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar) divulgou o cronograma do rodízio de água em Curitiba e Região Metropolitana, entre esta segunda-feira (18) e quinta-feira (21). O rodízio é realizado por causa da queda do nível dos reservatórios com a estiagem, que ocasionou o agravamento da crise hídrica no estado.

O Paraná teve situação de emergência hídrica decretada no início do mês. O rodízio anunciado pela Sanepar atinge Curitiba, Almirante Tamandaré, São José dos Pinhais, Fazenda Rio Grande, Araucária, Campina Grande do Sul, Colombo, Pinhais, Campo Largo, Piraquara e Tijucas do Sul. Veja como fica o rodízio até quinta-feira (21) Acompanhando as datas previstas para cada região, o sistema de rodízio desta semana inclui novas regiões afetadas e horário antecipado para o início do rodízio.

Estiagem no Paraná compromete sistema de abastecimento de água; FOTOS Nesta semana, conforme a companhia, a interrupção do abastecimento começa às 16h do dia previsto, com previsão de término para o mesmo horário do dia seguinte. Confira, abaixo, algumas dicas de economia de água repassadas pela Sanepar: Reduza a lavagem diária de roupa.

Acumule e use a capacidade máxima da máquina de lavar. A água do último enxágue do tanque ou da máquina pode servir para regar jardim e grama, ensaboar tapetes, tênis e outras peças. A água do tanque ou da máquina em que foi lavada a roupa serve para lavar calçadas e pisos.

Feche a cuba da pia, deixando um pouco de água.

Ensaboe toda a louça e enxágue com água limpa.

Não deixe a torneira aberta durante todo o tempo. Cinco minutos de chuveiro consomem 70 litros de água.

Reduza o tempo do banho. Reduza o tempo da torneira aberta enquanto escova os dentes, ensaboa as mãos ou faz a barba.

Prefira vasos sanitários menores, que utilizam menos água para a descarga. Veja mais notícias do estado no G1 Paraná.