Segundo nota, parlamentar do PSDB está sem sintomas severos da doença, provocada pelo coronavírus, mas teve perda de olfato e paladar.

Ela está em isolamento domiciliar.

A senadora Mara Gabrilli (PSDB-SP) Rogério Marques/ Estadão Conteúdo A assessoria da senadora Mara Gabrilli (PSDB-SP) informou nesta terça-feira (19) que a parlamentar tucana testou positivo para o novo coronavírus. Segundo nota divulgada pela assessoria (veja a íntegra ao final desta reportagem), Mara Gabrilli está sem sintomas severos, mas teve perda de olfato e paladar.

A parlamentar se encontra em isolamento domiciliar.

A senadora realizou exame nesta segunda-feira (18) e o resultado foi divulgado nesta terça-feira. De acordo com a assessoria, desde o início da pandemia de Covid-19, a senadora está reclusa no apartamento em que mora na cidade de São Paulo, onde participa remotamente das sessões virtuais do Senado. Na década de 90, Mara Gabrilli sofreu um acidente automobilístico e ficou tetraplégica.

Segundo a nota, a mãe de uma das cuidadoras da senadora morreu de covid-19. Nota Veja a íntegra da nota divulgada pela assessoria de Mara Gabrilli: Nota à imprensa A senadora Mara Gabrilli (PSDB-SP) realizou um exame na segunda-feira (18) e nesta terça-feira (19) atestou positivo para a Covid-19. Desde o início da pandemia, a senadora está reclusa em seu apartamento, em São Paulo, de onde participa das sessões remotas realizadas pelo Senado Federal.

Ao que tudo indica, a parlamentar contraiu o vírus de uma de suas cuidadoras, que também está com Covid-19 e cuja mãe, lamentavelmente, faleceu na última semana devido à doença. Mara Gabrilli, no entanto, encontra-se bem, sem sintomas severos, mas com perda de olfato e paladar.

Seguindo orientações médicas, a senadora seguirá em isolamento domiciliar e se afastará das atividades pelos próximos 14 dias. A senadora reforça sua preocupação diante da ausência de um plano emergencial para as milhares de pessoas com deficiência, pessoas com doenças raras e pessoas idosas que necessitam de um cuidador, o que lhes impedem de adotar em 100% o distanciamento e o isolamento social.

Por isso, pede atenção ao pacote de medidas para proteção de pessoas com deficiência durante a pandemia, que apresentou no Senado Federal. Assessoria de Imprensa da Senadora Mara Gabrilli