Voos da VoePass foram suspensos em março por causa da pandemia do novo coronavírus.

Administração do aeroporto diz que aguarda retorno das atividades pelas companhias aéreas.

VoePass começou a operar em janeiro, em Ponta Grossa Paulo Martins/RPC Ponta Grossa O Aeroporto de Ponta Grossa, na região dos Campos Gerais do Paraná, voltará a ter voos para o Aeroporto de Congonhas, em São Paulo, a partir do dia 1º de julho, de acordo com a VoePass, companhia que opera a rota. Os voos estão suspensos na cidade desde março por causa da pandemia do novo coronavírus.

Ponta Grossa tem 44 casos de Covid-19, segundo boletim desta quarta-feira (20), publicado pela Secretaria de Estado da Saúde. Coronavírus: Mortes sobem para 137 no Paraná, e secretaria confirma 2.616 casos A companhia informou que a data poderá mudar, dependendo do avanço da pandemia.

No entanto, a empresa já iniciou a venda dos bilhetes. A administração do Aeroporto de Ponta Grossa disse que está com a estrutura aberta para voos particulares. Ainda segundo a gestão, o aeroporto depende do comunicado de retorno das atividades por parte das companhias aéreas para a reabertura dos voos comerciais. Veja mais notícias da região no G1 Campos Gerais e Sul.