Santos ultrapassou marca de 4 mil confirmações da doença, e é a cidade com maior número de casos e óbitos.

Motoristas formam fila de quase um quilômetro nas ruas de Santos para testes rápídos Vanessa Rodrigues/Jornal A Tribuna A Baixada Santista, em São Paulo, registrou 652 novos casos da Covid-19, doença provocada pelo novo coronavírus, nas últimas 24 horas.

Com as novas notificações desta terça-feira (2), a região soma 9.462 casos e 479 óbitos causados pelo vírus, segundo boletins divulgados pelos nove municípios.

São 2.256 casos suspeitos, 64 mortes sob investigação e 5.915 pacientes que se recuperaram do coronavírus. VÍDEOS: incubação, sintomas e mais perguntas e respostas BOATOS: O que é #FATO ou #FAKE sobre o coronavírus GRUPOS VULNERÁVEIS: veja quais grupos têm mais complicações SINTOMAS: febre, tosse e dificuldade de respirar; entenda em detalhes Santos permanece com o maior número de casos, ultrapassando 4 mil confirmações, além de óbitos e internações.

Há 420 pacientes internados com sintomas da Covid-19 nos 870 leitos disponíveis para a doença na rede hospitalar da cidade, o que representa uma taxa de ocupação geral de 48%. No intervalo de 24 horas, oito cidades da Baixada Santista registraram novos casos, e apenas Itanhaém manteve o mesmo número.

De segunda para terça, Santos, Guarujá, São Vicente, Cubatão e Peruíbe somaram novos óbitos causados pela doença, 17 ao todo.

O número de pacientes recuperados passou de 5,9 mil. Confira os casos na Baixada Santista Dicas de prevenção contra o coronavírus Arte/G1 Initial plugin text