A Polícia Militar informou que a confusão teria iniciado entre o andarilho e a ex-companheira dele.

Em seguida, o servidor interveio e acabou sendo agredido também.

Por meio de nota, a prefeitura informou que está acompanhando o caso e aguarda mais detalhes das investigações.

Vídeo mostra homem com uniforme da prefeitura de Caratinga agredindo morador de rua Um funcionário com o uniforme da prefeitura de Caratinga (MG) e um andarilho foram flagrados em luta corporal na manhã desta quarta-feira (5), na Praça Cesário Alvim, no Centro da cidade.

De acordo com informações da Polícia Militar, a briga começou com o andarilho e a ex-companheira dele, por ciúmes.

Na tentativa de inibir a confusão, o funcionário da prefeitura, responsável por cuidar da praça, acabou sendo agredido. "Uma equipe da Polícia Militar estava realizando operação na Praça Cesário Alvim, no momento em que teria presenciado uma briga entre duas pessoas.

Terceiros tentaram intervir, com o intuito de cessar a confusão.

A equipe da PM auxiliou para separar a briga e apurou que um andarilho teria entrado em luta corporal com sua ex-companheira, por motivos de ciúmes.

Posteriormente, um indivíduo, responsável por cuidar da praça, interveio para separar as partes e ele, inclusive, teria sido agredido por este andarilho.

As partes foram encaminhadas para o Pronto Atendimento Médico e, depois disso, para a delegacia de Polícia Civil", disse o Tenente da Polícia Militar, Fábio Fonseca. Segundo a PM, a ocorrência foi encerrada com caráter de lesão corporal.

A mulher envolvida foi indiciada como vítima e o andarilho como autor.

A Polícia Civil vai prosseguir com as investigações do caso. Por meio de nota, a Prefeitura de Caratinga informou que o funcionário envolvido na confusão atua na Secretaria de Meio Ambiente e Serviços Urbanos.

Disse ainda que as motivações das agressões estão sendo investigadas e que ainda não foi possível um contato com o servidor.

Por fim, informou ainda que, a princípio, ele agiu para se defender e que aguarda mais detalhes das investigações. Confusão aconteceu na Praça Cesário Alvim, no Centro Reprodução/Redes sociais Veja mais notícias da região em G1 Vales de Minas Gerais.