Município fez decreto após chuvas que atingiram o município; Campestre também decretou calamidade.

A Prefeitura de Poço Fundo (MG) decretou estado de calamidade pública na tarde desta terça-feira (11) devido às chuvas que atingiram o município.

Mais cedo, Campestre (MG) também havia decretado o estado de calamidade.

Bandeira do Sul, uma das cidades mais atingidas, decretou situação de emergência.

As cidades do Circuito das Águas estão em alerta. Em Poço Fundo, houve alagamento em vários pontos da cidade.

O bairro mais atingido foi o São Benedito.

Quatro casas precisaram ser desocupadas de forma provisória.

Ainda não se sabe se as famílias poderiam voltar para os imóveis. A preocupação é com os níveis dos rios que estão acima do normal.

Na zona rural, os bairros Jacutinga, Cachoeirinha e Bocaina foram bastante afetados.

Não há informações sobre desalojados e desabrigados. O distrito de Paiolinho também foi atingido por um deslizamento de terra na estrada que liga à cidade.

Até a publicação desta reportagem, o trecho não tinha interdição, mas havia risco de novos deslizamentos. Chuva alagou ruas de Poço Fundo (MG) Reprodução/Redes Sociais Veja mais notícias da região no G1 Sul de Minas