Pete Buttigieg aparece em segundo e a senadora Amy Klobuchar surpreende ao conquistar terceiro lugar, deixando para trás Elizabeth Warren e Joe Biden.

O senador de Vermont e pré-candidato Bernie Sanders cumprimenta eleitores em Manchester, New Hampshire, na terça-feira (11) Reuters/Mike Segar Bernie Sanders lidera a primária de New Hampshire, que foi encerrada às 20 horas (22 horas em Brasília) desta terça-feira (11).

Com 15% dos votos já apurados, ele aparece com 29%, à frente de Pete Buttigieg, que tem 22,5%.

A surpresa ficou com o terceiro lugar de Amy Klobuchar, com 19,6%, aproveitando uma onda de popularidade ampliada após um debate na última sexta-feira e um desempenho considerado acima do esperado em Iowa, onde conquistou um delegado. A senadora, representante de Minnesota, superou em votos Elizabeth Warren (11,7%), do estado de Massachusetts, vizinho de New Hampshire e que era apontada como a terceira colocada em praticamente todas as pesquisas.

Warren e Biden Em um discurso, cerca de meia hora após o final da votação, Warren parabenizou Sanders e Buttigieg por sua noite "forte" e dedicou palavras de simpatia à colega de senado: "Também quero parabenizar minha amiga e colega Amy Klobuchar por mostrar quão errados os especialistas podem estar quando consideram uma mulher fora da jogada", disse.

Joe Biden (7,9%), prevendo um fraco desempenho em New Hampshire, onde estava mal colocado nas pesquisas, deixou o estado antes mesmo de todas as sessões eleitorais serem fechadas.

Por volta das 19h30 (21h30 em Brasília) o ex-vice-presidente já aterrissava em Carolina do Sul, onde serão realizadas primárias no dia 29 de fevereiro.

Yang e Bennet desistem Logo após a divulgação dos primeiros resultados, o empresário Andrew Yang anunciou sua desistência da disputa pela indicação.

Yang teve apenas 1% dos votos no caucus de Iowa e, com 15% dos votos de New Hampshire apurados, aparecia com 2.8%. Pouco depois foi a vez do senador Michael Bennet, de Colorado.

Ele não chegou a participar do caucus de Iowa e teve apenas 0,3% dos votos em New Hampshire, com 15% dos resultados computados. Delegados New Hampshire foi o segundo a realizar prévias, após a confusão do caucus democrata em Iowa, que teve inclusive um pedido de revisão parcial feito pelas campanhas dos dois primeiros colocados, Buttigieg e Sanders.

Desta vez, estão em disputa 24 delegados. No total, o Partido Democrata irá enviar 3.979 delegados para sua convenção nacional, de 13 a 16 de julho, na qual será decidido o nome do candidato democrata à presidência.

Para conquistar a nomeação, um pré-candidato precisa ter pelo menos 1.991 delegados a seu favor. Funcionários trabalham em posto de votação de primária em Colebrook, New Hampshire, na terça-feira (11) Reuters/Brendan McDermid Partido Republicano O Partido Republicano – embora já tenha anunciado que irá apoiar a candidatura de Donald Trump à reeleição – também realizou primárias em New Hampshire nesta terça.

O partido irá atribuir 22 delegados e Bill Weld, que já concorreu em Iowa, voltou a desafiar o presidente, além da candidata Mary Maxwell. Com 10% dos votos apurados foi anunciada a vitória de Trump, aquela altura com 82.9% dos votos.

Weld estava com 12% e Maxwell com 0,7%. Veja o calendário das eleições presidenciais dos EUA em 2020 Veja perguntas e respostas sobre corrida presidencial nos EUA Klobuchar na liderança A senadora e pré-candidata democrata Amy Klobuchar durante campanha eleitoral em Exeter, New Hampshire, na segunda-feira (10) Reuters/Kevin Lamarque Uma curiosidade é que o estado de New Hampshire tem algumas cidades minúsculas com votações realizadas à meia-noite.

Nesses locais, o resultado é verificado imediatamente e isso fez com que a senadora Amy Klobuchar liderasse a apuração por horas, até que as cidades maiores começassem a revelar seus resultados e os números passassem de 1%.

Além disso, Andrew Yang chegou a ficar na frente de Joe Biden e Peter Buttigieg, ainda que por um único voto, e Michael Bloomberg - que sequer concorria no estado - foi vencedor em uma cidade.

Dos cinco eleitores de Dixville Notch, três escreveram nas cédulas o nome de Bloomberg, colocando-o à frente de Sanders e Buttigieg, que tiveram ali um voto cada. Em Hart’s Location, Klobuchar teve seis votos, Warren teve quatro, Yang teve três, Sanders teve dois e Biden, Tom Steyer e Tulsi Gabbard tiveram um cada.

Já em Millsfield, Klobuchar recebeu dois votos, e Buttigieg, Biden e Sanders, um voto cada.

Assim, quando a apuração ainda estava em 1%, Klobuchar liderava com 29,6% (8 votos), à frente de Sanders e Warren, empatados com 14,8% (4 votos cada) e Andrew Yang, com 11,1% (3 votos).

Prévias eleitorais dos EUA em fevereiro Roberta Jaworski/G1 Initial plugin text