Implante coclear é realizado gratuitamente em Campinas apenas pelo Hospital de Clínicas (HC) da Unicamp.

Primeira cirurgia na PUC-Campinas ocorre na sexta-feira.

O Hospital PUC-Campinas recebeu aval do Sistema Único de Saúde (SUS) para realizar o implante coclear, que restaura a audição de pacientes com surdez severa ou profunda.

A equipe do hospital realiza na sexta-feira (14) a primeira cirurgia para colocação da prótese.

Além da PUC, apenas o Hospital de Clínicas (HC) da Unicamp possui credenciamento do SUS para fazer o procedimento de forma gratuita.

Fora as duas instituições, há clínicas particulares que colocam a prótese.

Segundo a PUC, o custo do implante coclear é de cerca de R$ 40 mil.

O implante coclear é utilizado quando os pacientes não se beneficiam com aparelhos de audição convencionais.

A prótese possui uma unidade interna ao ouvido, instalada na cóclea, e outra na região atrás da orelha.

"O implante estimula diretamente o nervo da audição e esse estímulo é levado via nervo auditivo para o cérebro", informa a assessoria do hospital da PUC. Hospital PUC-Campinas recebe credenciamento para realizar implante coclear Maurício Barbosa/G1 Campinas Primeira cirurgia A paciente que passará pelo implante tem 16 anos e, segundo a PUC, apresentou perda auditiva súbita de grau severo a profundo nos dois ouvidos.

A cirurgia está prevista para ocorrer às 13h.

A duração do procedimento é de cerca de 1h30 se o implante ocorrer em um ouvido e 3h se for bilateral.

De acordo com o hospital, normalmente o paciente fica internado por um ou dois dias e as complicações pós-operatórias são incomuns. A expectativa da PUC é fazer de duas a três cirurgias ao mês por meio do sistema de gerenciamento SUS do Hospital PUC-Campinas, que possui convênio com a Prefeitura Municipal. "Nas crianças que nasceram com a surdez, a cirurgia visa proporcionar o estabelecimento da comunicação oral, que só é possível por meio de uma audição adequada.

Para os adultos, o retorno do convívio social e melhora da qualidade de vida são outros benefícios geralmente trazidos com o implante", afirma o hospital. Veja mais notícias da região no G1 Campinas