Ventos de até 146 km/h causaram inundações e causaram transtornos em diversas partes da Inglaterra e do País de Gales.

Ao menos duas pessoas morreram.

Tempestade deixa dois mortos em Kent, no leste da Inglaterra A tempestade Dennis continuou a causar inundações no Reino Unido neste domingo (16), com ventos que atingiram velocidade superior a 140 km/h.

Equipes de resgate precisaram usar botes para resgatar pessoas ilhadas em casas no País de Gales. Equipes resgatam idosa e cachorros em Nantgarw, cidade no País de Gales inundada pela tempestade Dennis neste domingo (16) Ben Birchall/PA via AP Mulher tenta limpar salão de beleza inundado pela tempestade Dennis em Pontypridd, no País de Gales, neste domingo (16) Ben Birchall/PA via AP No sábado, dois homens foram encontrados mortos no mar próximo a Kent, no sudeste da Inglaterra.

As autoridades confirmaram que ambas as mortes são relacionadas à passagem da tempestade Dennis. Por causa da intensidade do fenômeno, o governo britânico declarou alerta vermelho para as inundações, consideradas extremamente perigosas pelas autoridades de defesa civil.

É a primeira vez que um aviso do tipo é emitido no Reino Unido desde dezembro de 2015. Mar revolto durante passagem da tempestade Dennis em Porthcawl, no País de Gales, neste sábado (15) Ben Birchall/PA via AP Tempestade Dennis atinge pequeno porto de Porthleven, no sudeste da Inglaterra, neste domingo (16) Alastair Grant/AP Photo De acordo com o Escritório de Meteorologia britânico, os ventos no País de Gales chegaram a 146 km/h no sábado.

Além disso, as autoridades registraram 157,6 milímetros de chuva em 48 horas na região. A tempestade Dennis também causou transtornos ao sistema de transporte no Reino Unido, com linhas de trem paralisadas em diversas partes do país.

Além disso, as companhias aéreas British Airways e EasyJet cancelaram centenas de pousos e decolagens neste fim de semana. Tempestade na França Queda de árvore destrói carro em Caen, no norte da França, neste domingo (16), após passagem da tempestade Dennis Sameer Al-Doumy/AFP Os efeitos da tempestade Dennis também foram sentidos na França, informou a agência RFI.

Na Bretanha, região do noroeste francês, houve queda de energia em aproximadamente 14 mil casas, segundo a empresa local de eletricidade. Segundo autoridades francesas, as rajadas de vento chegaram a 120 km/h no país.

Por causa da ventania, árvores caíram — algumas delas, sobre os trilhos do sistema ferroviário francês, o que também provocou atrasos para quem tentou viajar de trem neste fim de semana.