Representante da Secretaria de Ensino classifica ato ocorrido em unidade de Americana (SP) como "inadmissível" e diz que prática pode trazer graves consequências à criança.

Camisa de escola da rede estadual tem palavra 'empréstimo' nas costas e é usada por escola de Americana para estudantes que não possuem uniforme. Reprodução/EPTV A Secretaria de Estado da Educação determinou que a direção da escola estadual Germano Benencase Maestro, de Americana (SP), suspenda a prática de obrigar alunos sem uniforme a usar uma camiseta com a palavra "empréstimo" nas costas.

Após a foto de um aluno com a peça viralizar, a pasta informou que, caso a Associação de Pais e Mestres (APM) da unidade queira manter a obrigatoriedade, o uniforme deve ser subsidiado para estudantes que não tem condições de comprá-las. "Foram orientações imediatas.

A prática [da camisa com a palavra empréstimo] deve ser cessada imediatamente.

Caso a APM queima manter o uso do uniforme, que qualquer aluno sem condições de comprá-lo tenha o uniforme subsidiado sem nenhuma forma de discriminação.

Que a gente preze pela equidade", disse Henrique Pimentel Filho, subsecretário de articulação da pasta. O representante da Secretaria de Educação disse que passou pessoalmente as determinações ao diretor regional de ensino e à diretora da unidade escolar.

"É inadmissível que aconteça isso na rede de ensino em São Paulo, está em total desacordo com o que a gente acredita.

Uma ação que mostra um descuidado, que pode trazer consequências graves para a criança", afirmou. Segundo o subsecretário, diretrizes do programa Conviva, para melhoria da convivência escolar, serão adotadas na unidade onde ocorreu o episódio, além da abertura da sindicância para apontar responsáveis "para que sejam tomadas as medidas cabíveis". De acordo com Henrique Pimentel Filho, a família do aluno será chamada à escola para que os responsáveis possam "fazer o que for possível para corrigir o problema" e para que a convivência do estudante permaneça "dentro da normalidade", sem práticas de bullying, como definiu.

Recado enviado à mãe do estudante de Americana (SP) após foto do uniforme com a palavra "empréstimo" viralizar Arquivo pessoal Recado no caderno Priscila Lourdes Mobilom, mãe do aluno obrigado a usar a camiseta com a palavra empréstimo, contou que recebeu pelo caderno do filho, nesta segunda, um bilhete para que se reunir com a equipe da escola, e que o dirigente de ensino de Americana gostaria de conversar com ela para que "possam ajudá-la". A mãe do jovem contou que viu a atitude da escola como maldade, uma vez que chegou a mandar um recado de que iria comprar o uniforme assim que recebesse o dinheiro do programa Bolsa Família. "Eu mandei um bilhete avisando que ia comprar o uniforme no dia 20 com o Bolsa Família que eu recebo.

Mas ela [diretora] nem entrou em contato.

Ela pediu para ele usar o uniforme a semana toda, ele usou, passou vergonha a semana inteira.

Para mim, estava tudo certo.

Era um uniforme emprestado.

Não sabia que estava escrito." Veja mais notícias da região no G1 Campinas