Ação começou quando uma guarnição da Polícia fazia um patrulhamento de rotina na região e morador avisou que grupo estava armado.

Adolescente é decapitada e dois morrem em confronto com a polícia Dois homens morreram durante confronto com a polícia, na noite desta quinta-feira (20), em Rio Branco.

A perseguição começou no bairro Cabreúva, na região da baixada da Sobral, e terminou no Mocinha Magalhães. O morador teria dito à polícia que os homens estavam armados em um veículo branco e, supostamente, estariam planejando uma execução.

A polícia deu ordem de parada, grupo desobedeceu ao comando de e começou a perseguição. Os homens empreenderam fuga em alta velocidade e durante o trajeto de um bairro ao outro, houve troca de tiros, quando o motorista perdeu o controle e bateu carro em um muro, na rua Manga. Ao bater o veículo, um homem que estava no banco de trás continuou disparando contra a polícia, que reagiu e nesta ação dois acabaram morrendo.

Um deles é menor de idade e foi identificado como Juliano da Silva Souza, de 16 anos.

O outro homem ainda não tinha sido identificado no início da manhã desta sexta-feira (21). Dois morrem e outros dois ficam feridos durante confronto com a polícia em Rio Branco Iryá Rodrigues/G1