Região Norte da cidade concentra 67,9% dos casos, segundo a prefeitura.

Em situação de emergência, Mogi Mirim tem alta de 38% nos casos de dengue Paulo Whitaker/Reuters Os casos confirmados de dengue em Mogi Mirim (SP) aumentaram 38% em uma semana e chegaram a 480, segundo balanço divulgado nesta sexta-feira (21) pela prefeitura.

Os dados foram contabilizados até quinta e significam 133 novos pacientes na lista que já somava 347 infectados pelo vírus transmitido pelo mosquito Aedes aegypti.

No início do mês, o município decretou situação de emergência. A região Norte do município concentra 326 casos, o equivalente a 67,9% do total.

Já a faixa etária com mais registros é a de moradores com 16 a 59 anos, que reúne 313 - número correspondente a 65,2%. Combate Em nota, a prefeitura destacou que desenvolve mutirões contra a dengue nos bairros, orienta os moradores sobre cuidados, faz nebulizações e há salas para hidratação dos pacientes na cidade. Neste sábado (22), a Vigilância em Saúde informou que fará uma encenação no cortejo de Carnaval da Praça Rui Barbosa, às 10h, para alertar a população sobre a necessidade de ações para combater e evitar a formação de novos criadouros do mosquito transmissor do vírus. Veja mais notícias da região no G1 Campinas.