Imagens têm circulado pelas redes sociais mostrando os colchões sendo supostamente ofertados em feiras e comércios.

PM investiga suposta venda de colchões doados a abrigados no Mangueirão, em Belém Reprodução / Governo do Pará A Polícia do Pará investiga a suposta venda de colchões doados para pessoas em situação de rua abrigadas no estádio do Mangueirão, em Belém.

Imagens têm circulado pelas redes sociais mostrando os colchões sendo supostamente ofertados em feiras e comércios. O Governo divulgou nota nesta quinta informando que as autoridades policiais foram acionadas pela Secretaria de Estado de Assistência Social, Trabalho, Emprego e Renda (Seaster).

Segundo a nota, a PM também reforçou a segurança no local. De acordo com a Seaster, cerca de 480 pessoas estão abrigadas no estádio, por determinação do Governo.

Todos estão recebendo abrigo, alimentação, roupas e materiais de higiene, além de serviços assistenciais e de saúde, segundo a secretaria.

A medida tem objetivo de proteger pessoas em extrema vulnerabilidade do contágio pelo novo coronavírus. Initial plugin text